Páginas

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Capítulo 4 - Sozinha?!


E quando atendi... uma surpresa...

**Ligação**

Demi: Telefone do Senhor Jonas, Senhora Jonas falando...
XXX: Por favor, Senhora Jonas, eu poderia falar com o Joe?
Demi: Quem é?
XXX: É um amigo dele...
Demi: Ah, pode falar a mim que eu entrego o recado a ele!
XXX: É que eu descolei um lugar pra ele ir fazer um 'show' ainda hoje, às 23h30, por Mil dólares!
Demi: Uhm... só um minuto, vai ter que resolver isso com ele

Entreguei o telefone a ele
- Quem é? - Joe perguntou antes de atender.
- Falou que é um amigo seu... - respondi

Joe: Fala velho...
XXX: ...
Joe: Brincou!
XXX:...
Joe: Ah, mas minha filhinha tá doente e eu acabei de prometer à minha esposa que passaria a noite cuidando dela...
XXX:...
Joe: Beleza irmão, estarei lá em meia hora...
**Fim da ligação**

- Desculpa amor, acho que a Selena vai ter que vir dormir aqui com você - ele falou.
- Tudo bem, já estou mesmo acostumada - menti.
   O fato é que eu nunca me acostumei com suas saídas à noite, mesmo quando ainda não tínhamos a Mitchie, já era ruim ficar sozinha. Na hora, eu fiquei irritada, mas não visivelmente, pois confesso que Mil dólares era  praticamente o que a gente ganhava o mês inteiro.
   Ele me olhou nos olhos procurando algum reflexo de irritação. Eu desviei o olhar e a única coisa que pude pensar foi que infelizmente, quando se é pobre não tem tantas escolhas...
- Devo chegar em média 1h45,  nós precisamos muito desse dinheiro, Dems! Vou lá chamar a Sel - disse se levantando e vestindo uma roupa qualquer que o deixou bonito de qualquer jeito, depois colocou o violão nas costas, procurou seu all star surrado, desenhou um coração no ar para mim e beijou a filha - fique com Deus, logo volto.
   A noite foi tranquila, felizmente. E graças a Deus, Mitchie não voltou a ter febre muito alta novamente e Joe chegou na hora marcada, mas o fato real, é que eu havia ficado desapontada.

***

   Em agosto, a pequena Mitchie completou oito meses, Joe, 22, e eu, 19. Nossa vida estava um mini-inferno e nós tivemos que confrontar com mais um dilema: Quem cuidaria dela enquanto eu estivesse na faculdade?
- Demi, venha aqui no quarto! - Joe gritou - ela está dando alguns passinhos, awn, tão fofa...
   Corri para o quarto e vi a cena mais linda do mundo, Joe em momento pai e filha ensinando-a a dar seus primeiros passos a sós.
- Que linda! - eu disse - Essa aí vai ser um prodígio... só oito meses... - e sorri.
- Como eu, não é Mitchie?
- Ai, você se acha tanto, Joe - disse caminhando para fora do quarto.
- Ah, que nada, Dems - ele gritou do quarto - eu sou muito foda, quero dizer, olhe para ela e comprove isso, fiz um ótimo trabalho, não foi filha?
- Papá - ela respondeu.
- Meu silêncio pra você, Joe - gritei de volta.
   Quando parei de verdade para encarar a situação da casa, percebi que ela estava uma zona como nunca antes. 
- Meu Deus, como é que isso foi ficar assim? - sussurrei para mim mesma - Joe? Vem aqui, agora! Você precisa me ajudar a arrumar essa casa, daqui a pouco não vamos mais achar nossas peças íntimas...
- Hum... isso é muito bom... - Joe disse me agarrando por trás.
- Sossega, Joe! Mas olha essa bagunça, meu Deus - eu disse, me livrando dos seus braços e apontando para os piores lugares.
    A pia da cozinha tinha tanta louça, que mal se podia ver a torneira; o lixinho estava derramando algumas cascas de banana e havia uma meia do Joe em cima da geladeira.
- Como aquilo foi parar ali? - ele perguntou, enquanto apoiava seu queixo no meu ombro.
- De quem é a meia? - perguntei.
- Minha, ué... - ele disse enquanto caminhava até a geladeira para retirar a meia.
- Então, você é que tem que saber... - e comecei a rir descontroladamente - Espere! Você deixou a Mitchie sozinha, Joe?
- Ai, meu Deus, me esqueci! - ele disse batendo na testa...
   Quando chegamos lá...


CONTINUA...

E aí gente, o que acharam? Comentem e me deixem feliz (: Hoje, eu não vou postar outro capítulo porque estou doente, acreditem, eu quase não consegui terminar de digitar esse. Uma gripe infeliz e uma dor no corpo que tá me matando, espero ficar bem logo... e se eu não postar amanhã, é porque eu não melhorei, me desculpem... 

Resposta aos coments *-*

Luisa: Está aí! Agora você sabe quem é, baby! Ah... eu acho que o blogger está com problemas, pq hoje fui tentar comentar num blog também e o coment não tava sendo enviado... beijos baby!

Káá Cyrus: Obrigada amor *-* Está aí! Comente quando puder também (:

4 comentários:

  1. Eu comento sempre! Não tenho de agradecer! Eu é que tenho de agradecer pelos seus coments no meu blog, obrigada.
    Posta quando puder, please *-*

    Kiss =)

    ResponderExcluir
  2. AAAAA!A Michie esta bem?O que vei acontecer?Amei,posta logo.

    ResponderExcluir
  3. pooooooooooooooooosta lindo perfeito

    ResponderExcluir
  4. Olha meu blog linda?
    eu posto fics de jemi tbm mais eu não tenho nenhum seguidor! me ajuda e dá uma olhadinha lá por favor! beijooss <#3333

    ResponderExcluir